Edição nº 45 – Como lidar com acidentes de trabalho?

Edição 45 | 14 de dezembro de 2020

 

Olá!

Dezembro, enfim, chegou e, com ele, as tradicionais comemorações junto à família e aos amigos. Mas, ainda que o estágio atual da pandemia permita encontros pontuais, não podemos nos descuidar. Os números da Covid-19 voltaram a subir e, por mais que uma vacina esteja à vista, cautela e prevenção continuam a ser fundamentais.

Isso também vale para as empresas, tanto as que já retomaram as atividades presenciais quanto as que estão traçando estratégias para o retorno. É necessário atentar-se a cuidados essenciais, bem como às ações que promovam a saúde e a segurança dos colaboradores e clientes. A Sercon já está estruturada para auxiliar nossos clientes a terem uma volta segura. Afinal, a vida vem sempre em primeiro lugar.

E, além de reforçar as medidas de prevenção contra a Covid-19, também temos uma novidade: agora somos certificados para ministrar treinamentos, dar palestras e auxiliar as empresas na implantação de programas voltados para a prevenção da dependência de substâncias lícitas e ilícitas. Foram meses de capacitação para que pudéssemos trazer o melhor serviço para você. Conte com a gente no que precisar.

Abraços e boa leitura!

Carlos Luiz Souza
Diretor da Sercon

imagem_1.jpg

O que fazer diante de um acidente ou doença do trabalho?

Emissão de documentos, envio de informações, comunicação do acidente: muitas dúvidas ainda surgem quando ocorre um acidente ou uma doença de trabalho é diagnosticada. E por mais que haja um procedimento padrão a ser seguido, algumas empresas ainda não sabem quais recomendações legais precisam ser seguidas.

Para mostrar como isso funciona na prática, reunimos em nosso site todas as informações necessárias quanto à Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT), documento fundamental para o procedimento.

Saiba mais

imagem_2.jpg

Como diminuir o valor do FAP?

O Brasil está entre os países com maior número de acidentes de trabalho no mundo – dados que preocupam e devem ser observados com cuidado. Além de constituir um alerta importante, este índice impacta o balanço financeiro das empresas, em razão do Fator Acidentário de Prevenção (FAP)

O FAP leva em conta o volume de benefícios previdenciários pagos a colaboradores de uma companhia e os índices de acidentes ou doenças registrados nos últimos dois anos. Ou seja, a queda no número de acidentes traz economia e isso deve ser prioridade para as empresas. Pensando nisso, trouxemos algumas dicas para você em nosso site.

Continue lendo

imagem_3.jpg

A lideranças e as ações de SST

Um líder precisa ter um olhar holístico sobre as atividades da empresa para motivar e incentivar o desenvolvimento de uma visão de futuro entre seus liderados. Quando se trata de Saúde e Segurança do Trabalho, ele também precisa estar próximo, guiando a equipe e disseminando informações que previnam acidentes e doenças ocupacionais.

Algumas iniciativas podem ser tomadas pelas organizações para promover a cultura de SST, tornando o colaborador cada vez mais engajado. Veja as três mais importantes em nosso site.

Conheça algumas ações

imagem_4.jpg

Logoaudiometria: entenda a importância do exame

Altos níveis de ruído podem influenciar negativamente a capacidade do de ouvir e compreender sons. No dia a dia de nosso consultório, vemos que o uso incorreto dos EPIs e a falta de acompanhamento no ambiente de trabalho podem agravar esses quadros, causando sequelas ainda mais graves para o colaborador.

Para auxiliar os fonoaudiólogos ocupacionais na avaliação da capacidade auditiva dos empregados, existem diversos testes que devem ser realizados periodicamente. Um deles é a logoaudiometria. Explicamos este exame em detalhes em nosso site.

Leia mais

COMPARTILHE

wpp.png fb.png tw.png in.png

Rua dos Carijós, 150 – Cj. 1403 – Centro | Belo Horizonte/MG | CEP 30.120-060
contato@serconmed.com.br | (31) 3271-3267 | www.serconmed.com.br

Produzido por Prefácio

Abrir o chat
Precisa de ajuda?