Notícias

 Fonoaudiologia
04/04/2017

Atuação do fonoaudiólogo na comunicação empresarial

Profissional é responsável pela manutenção da saúde vocal e auditiva dos trabalhadores


Em abril, comemora-se o dia Mundial da Voz e, para celebrar a data, o boletim Sercon Informa retoma a abordagem sobre os cuidados com a voz. Profissionais  da voz estão nas mais diversas áreas organizacionais e é importante não perder de vista que a produtividade pode ser prejudicada se não houver uma comunicação qualificada nas relações pessoais e profissionais.

Ações do fonoaudiólogo em uma empresa
O profissional de fonoaudiologia pode se especializar no trabalho voltado para organizações, atuando em duas frentes principais: a) fonoaudiólogo do trabalho ou ocupacional ou b) fonoaudiólogo organizacional ou empresarial. Caso atue na primeira área, o profissional será responsável por promover a saúde e prevenir problemas vocais e auditivos do trabalhador. Ele deverá analisar fatores de risco – ergonômicos, ambientais e individuais – presentes na atividade laboral. Deverá, ainda, promover ações preventivas para a manutenção da saúde vocal e auditiva do empregado.

Já a fonoaudiologia organizacional ou empresarial é voltada para a necessidade de aprimorar a comunicação profissional. Em outras palavras, é um profissional que atua para proteger o bem-estar e as relações entre os trabalhadores, o que é feito por meio da melhoria da comunicação oral.

Em uma organização, o fonoaudiólogo trabalha em conjunto com uma equipe multidisciplinar, que pode ser formada por médicos do trabalho, engenheiros de segurança, ergonomistas e todos os demais responsáveis pela Saúde e Segurança Ocupacional, pelo Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO) e pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA).

As Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho e Previdência Social têm auxiliado na organização e implantação de ações de saúde nas empresas. A NR-17 é um exemplo: referente aos telesserviços, ela contribuiu para a conscientização do trabalhador sobre os riscos aos quais se expõe, além de orientar ações preventivas a serem adotadas pelas empresas.

O fonoaudiólogo é, ainda, o responsável pelo Programa de Conservação Auditiva (PCA). Este serviço, que é prestado pela Sercon, gerencia a audição do trabalhador.  “Por meio desse programa, as empresas têm a oportunidade de conscientizar os empregados quanto à importância de cumprirem as ações de preservação à audição. Assim, previne-se a instalação ou evolução das perdas auditivas de origem ocupacional”, assinala Daiane Guimarães, fonoaudióloga da Sercon.

Mais Notícias

 Medicina do Trabalho

26/08/2021
Vacina contra a Covid-19 é obrigatória nas empresas?
Entenda a importância da vacinação e conheça as decisões acerca da obrigatoriedade

 Eng. de Segurança do Trabalho

26/08/2021
Entrada em vigor das novas normas regulamentadoras é adiada para 2022
Saiba quais foram incluídas no cronograma anunciado pelo governo federal

 Eng. de Segurança do Trabalho

26/08/2021
SST na mineração: obrigações das empresas
Como manter trabalhadores protegidos em um setor essencial para a economia brasileira

 Eng. de Segurança do Trabalho

26/08/2021
Limites de tolerância a ruídos no trabalho
O que a legislação diz sobre o tema e como as empresas podem se adequar